#juntospelasaude
#juntospelasaude

Doar sangue, um ato de amor

Data Criação: quarta, 25 de novembro de 2020 às 10:00    

Hoje, 25 de novembro celebramos o dia nacional do doador de sangue, data criada com o objetivo de sensibilizar pessoas e aumentar o número de doadores em todo o Brasil, além de conscientizar sobre a importância da doação. Em tempos de pandemia, os hemocentros têm enfrentado muitos desafios para manter os bancos de sangue com estoque, por isso, hoje trazemos aqui algumas informações do Ministério da Saúde, para tirar todas as dúvidas sobre os impedimentos e os critérios para ser um doador. 

Os impedimentos temporários são:

  • Gripe, resfriado e febre: aguardar 7 dias após o desaparecimento dos sintomas;
  • Infecção pelo novo coronavírus (COVID-19): aguardar 30 dias após a completa recuperação;
  • Período gestacional;
  • Período pós-gravidez: 90 dias para parto normal e 180 dias para cesariana;
  • Amamentação: até 12 meses após o parto;
  • Ingestão de bebida alcoólica (aguardar 12 horas após o consumo);
  • Exames/procedimentos com utilização de endoscópio nos últimos 6 meses;
  • Vacina da febre amarela ou sarampo: aguardar 4 semanas após a vacinação;
  • Tratamento dentário cirúrgico (como extração, tratamento de canal): 7 dias após o procedimento e/ou suspensão dos medicamentos.

Para ser um doador é muito fácil! Você deve:

  • Ter idade entre 16 e 69 anos, desde que a primeira doação tenha sido feita até 60 anos (menores de 18 anos devem possuir consentimento formal do responsável legal);
  • Pesar no mínimo 50 kg;
  • Estar alimentado. Não ingerir alimentos gordurosos antes da doação;
  • Ter dormido pelo menos 6 horas nas últimas 24 horas;
  • Comparecer ao hemocentro de sua cidade com um documento de identificação com foto.

O procedimento todo (cadastro, aferição de sinais vitais, teste de anemia, triagem clínica, coleta do sangue e lanche) dura em média 40 minutos. Com uma única doação de sangue podemos salvar até quatro vidas e com apenas uma coleta de medula você fica cadastrado no Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea - Redome, podendo salvar a vida de crianças, jovens e adultos. Lembre-se! Tanto a coleta de sangue quanto a de medula são feitas de maneira simples e com pouco incômodo, ou seja, não vai doer quase nada e você terá feito uma incrível ação de amor e doação ao próximo. 

Abrace esta ideia! Seja um doador. Ajudar está no sangue!